26/11/2013

Milhojas, propuesta de Noviembre en Whole Kitchen/Mil-folhas invertido proposta de Novembro da Whole Kitchen

Bem..esta receita foi cá um desafio! Desta vez quis armar-me em Pierre Hermé e preparar a sua receita de mil-folhas, já que este foi o tema escolhido pela Whole Kitchen para este mês de Novembro, que diga-se de passagem não é para principiantes.
Para já era suposto tê-la feito no fim de semana passado, mas por razões de força maior, fui obrigada a adiar a realização desta receita para este fim de semana que passou, comecei a fazer a receita no sábado, mas tento em conta que é bastante demorada, só a acabei mesmo ontem à noite.

Não e que seja muito difícil, demora é bastante tempo entre cada passo. Alguns dos problemas que tive foi  juntar a massa 1 com a massa 2, problema esse que se resolve com calma e com uma bancada enfarinhada e bem fria.
Depois é preciso ter-se bastante atenção aos tempos de cozedura, neste tipo de receita a diferença entre minutos é bastante crucial, e como nem todos os fornos são iguais é preciso estarmos bem atentos e ter em conta que os minutos que aqui descrevo não se aplicam para todos os casos.

De todas as formas, acho que não vou voltar a repetir esta experiência, já tinha feito uma espécie de massa folhada aqui para a preparação de uns croissants, que ficaram super bons e a massa ficou boa, e que me deu muito menos trabalho, o que eu quero dizer com isto e que se pode obtêr uma massa folhada bem boa, sem se ter de perder tanto tempo. 

Ingredientes para a massa 1:

- 30 gr. de farinha sem fermento
- 30 gr. de farinha com fermento
- 160 gr. de manteiga à temperatura ambiente

Ingredientes para a massa 2:

- 75 gr. de farinha sem fermento
- 75 gr. de farinha com fermento
- 5 gr. de sal fino
- 50 gr. de manteiga
- 100 ml de água fria
- 1 colher de chá de vinagre

Ingredientes para a massa folhada invertida caramelizada:

- 430 gr. de massa folhada invertida
- 45 gr. de açúcar branco
- 25 gr. de açúcar em pó

Ingredientes para o recheio:

- 100 gr. de framboesas
- 3 colheres de sopa de açúcar
- 250 gr. mascarpone

Modo de preparação da massa 1:

1º Passo: Numa taça misture as farinhas, junte a manteiga cortada aos cubinhos e misture tudo muito bem com as mãos, até ôbter uma bola. Coloque a massa entre duas folhas de papel vegetal e molde com a ajuda de um rolo até ôbter um círculo com 2 cm de altura. 

2º Passo: Envolva a massa em película aderente e reserve no frigorífico durante 2 horas.

Modo de preparação da massa 2: 

1º Passo: Numa taça junte todos os ingredientes, excepto a água. Depois de tudo misturado, junte a água aos poucos, até ôbter uma massa consistente, não deverá ficar mole ou bastante maleável. Coloque a massa entre duas folhas de papel vegetal e molde com a ajuda de um rolo até ôbter um quadrado com 1 cm de altura.

2º Passo: Envolva a massa em película aderente e reserve no frigorífico durante 2 horas.

Modo de preparação da massa folhada invertida:

1º Passo: Com a ajuda de um rolo estenda a massa 1, em forma de círculo com 1 cm de altura. Coloque a massa 2 no centro da massa 1, e dobre os cantos da massa 1 para dentro (por cima da massa 2). A massa 2 deverá ficar toda envolvida pela massa 1.

2º Passo: Com os punhos espalme a massa. Depois com a ajuda de um rolo estenda a massa do centro para os bordos, em forma de rectangulo, 3 vezes comprida do que larga.  

3º Passo: Dobre uma das extremidades para o meio, dobre a outra extremidade para o meio, de modo a que ambas as extremidade se encontrem no meio, dobre a massa ao meio (volta dupla). 
4º Passo: Vire a parte da massa que esta dobrada para a sua esquerda com o rolo, estique levemente a massa, envolva em película aderente e deixe repousar durante 2 horas à temperatura ambiente. 

5º Passo: Com os punhos espalme ligeiramente a massa. Depois com a ajuda de um rolo estenda a massa do centro para os bordos, 3 vezes mais comprida do que larga.Volte a fazer a volta dupla, envolva em película aderente e deixe repousar durante 2 horas no frigorífico.
6º Passo: Com os punhos espalme ligeiramente a massa. Depois com a ajuda de um rolo estenda a massa do centro para os bordos, 3 vezes comprida do que larga. Desta vez de uma volta simples, em que 1 terço da massa vai para o meio e o outro terço para o meio. Deverá ôbter um quadrado.

7º Passo: Leve ao frigorífico por 2 horas, quando passar uma hora, vire a massa ao contrário, para ambos os lados estarem igualmente expostos ao frio (eu deixei a massa de um dia para o outro no frigorífico por falta de tempo).

8º Passo: A bancada deverá estar fria, para tal poderá passar com gelo na bancada para baixar a temperatura. Polvilhe a bancada com farinha assim como a massa e estenda-a com a ajuda de um rolo até esta ter 2-3 mm de altura. Se desejar corte a massa no formato que pretende, resulta mais facil se o fizer com um cortador ou utilizar o cortador de pizza.

9º Passo: Transfira a massa para uma folha de papel vegetal previamente humedecida ou pincelada com água fria. Com um garfo marque toda a extensão da massa e leve-a ao frigorifico por 1 -2 horas.

Modo de preparacao da massa folhada invertida caramelizada:

1º Passo: Pré-aqueça o forno a 230 ºC.  Polvilhe a massa com o açúcar branco, meta a massa no forno e baixe a temperatura para os 190 ºC. Deixe a massa cozinhar por 8 minutos, cubra a massa com uma grade de redes (para que o crescimento seja uniforme) e deixe cozinhar por mais 5 minutos. Retire do forno.

2º Passo: Suba a temperatura do forno para os 250 ºC.Retire a grade de redes, dê a volta à massa. Polvilhe a massa com o açúcar em pó e leve ao forno por 8 minutos (no meu caso foram só 5 minutos), o açúcar irá derreter e caramelizar a massa. Retire a massa do forno e reserve.

Modo de preparação do recheio:

1º Passo: Leve as framboesas com o açúcar ao lume. Esmague as framboesas com ajuda de um garfo, mexa tudo muito bem até o açúcar derreter e o líquido das framboesas começar a evaporar. Retire do lume e deixe arrefecer.

2º Passo: Misture as framboesas com o mascarpone, se a mistura ficar muito mole, leve uns 5-10 minutos ao congelador, ou deixe no frigorifico por 2 horas. 

Montagem do mil-folhas:

1º Passo: Coloque uma placa de massa por cima coloque o recheio, em cima do recheio disponha mais uma placa de massa, por cima recheio e outra placa de massa. Decore com açúcar em pó e framboesas.

Notas: O recheio foi feito à pressa, mas para estes casos acho que resulta muito bem, eu não coloquei muito açúcar no recheio, pois a massa já tem bastante açúcar na minha opinião e o contraste de sabores balança muito bem.
Para verem a receita bem mais detalhada e com fotos lindíssimas, vão dar uma vista de olhos ao blog Bajo una Nube de azucar glas, ela tem tudo muito bem explicadinho.

Imprimir 

29 comentários:

  1. Bem.... só vejo gente habilidosa!! Ontem foi a Mena, que me deixou de queixo caído, hoje és tu, e com o queixo caído fico!!! Que deslumbre, estão maravilhosos os teus mil folhas! E as fotos, lindíssimas, parabéns!
    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Olha ja me fartei de rir aqui sozinha!! Porque me lembrei daquele comentario que fizeste no facebook por causa do ovo frito!
    E agora a olhar para as tuas fotos, porque a receita, eu tenho-a decorada de tanto a repetir, pergunto-me como é possivel perguntarem-te essas coisas!!!
    Até o Hermé saía daqui encantado como eu!! :))
    Perfeito minha querida!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Bem ...bem!!! Que bela visão para os meus olhos...já que o estomago reclama...os meus dentes ficaram a bater uns nos outros!
    Sabes porque não sabes?
    Ficou com um aspecto Maravilhoso...depois de tanto trabalho, vermos que as coisas ficam perfeitas é que lhes damos o valor! Parabéns pela maravilha!

    :*

    ResponderEliminar
  4. As fotos estão lindas que só elas :)! E super apetitoso...... ;)

    Sem Jeito Nenhum Blog

    ResponderEliminar
  5. esta mt bonito para mim esta perfeito eu sei o quanto é dificel fazer essa massa mas tu sais-tes mt bem parabens bjs bs

    ResponderEliminar
  6. A massa folhada é trabalhosa mas os folhados ficam uma maravilha.
    Ficou divino...adorei
    Bj

    ResponderEliminar
  7. Ficou mesmo fantástico, que maravilha!!! Fazer a massa é uma trabalheira enorme, nunca me habilitei a fazer...
    Ficou perfeito, uma tentação :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  8. O aspecto é fantástico, e o sabor deve ser de chorar por mais, mas sem duvida que envolve muito tempo e habilidade, normalmente não tenho muita paciência para coisas tão demoradas, mas ao olhar para este mil folhas, até dá vontade de arriscar :)

    Beijinhos
    Joana

    ResponderEliminar
  9. obrigada pela explicação, assim torna tudo mais fácil ;))
    as tuas fotos estão lindas, como sempre!

    ResponderEliminar
  10. Que maravilha! Ficaram lindos, mas a massa é uma trabalheira, não sei se terei coragem de a fazer, confesso.

    Bjs

    ResponderEliminar
  11. Lindo, adorei as fotos, toda a apresentação!

    ResponderEliminar
  12. Que lindooooo :)
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  13. Que encanto de mil-folhas!!! Bom por dentro e por fora e em cada camadinha! Ai o que eu fazia para provar esse recheio, hummmm.....
    Beijinhos ;)

    ResponderEliminar
  14. Bem, é mesmo preciso paciência para fazer esta receita mas, adorei a explicação e vou guardá-la (não sei mesmo se vou tentar) :)
    Bjs, Susana
    Nota: Ver os passatempos a decorrer no meu blog:
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/2013/11/1-aniversario.html
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/2013/11/crumble-de-marmelo-com-aveia-e-nozes.html

    ResponderEliminar
  15. Eu confesso que nunca fiz massa folhada caseira, alguma dose de paciência que me falta, e tempo, sempre.
    Mas admiro muito por teres conseguido e ficado perfeito.
    Lindo com o creme de framboesa.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  16. Meu deus, eu acho que nao tenho assim tanta paciência. Ficou lindissimo.
    Ontem vi a publicidade do master chef da TVI e pensei em ti, tens tanto jeito p a cozinha :) e tudo o que fazes é apelativo

    ResponderEliminar
  17. Ai, só de ver essas instruções até me baralho toda. Mas uma coisa é certa: fizeste aí um óptimo trabalho!!! Estã lindíssimo o teu mil folhas, e as fotografias.. que maravilha. Adorei o blog :)
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  18. Lindo, lindo, lindo!
    Que mais posso dizer? Essa trabalheira toda compensou porque o resultado foi magnífico!
    Adorei as fotos! Uau!
    Beijinhos

    http://bocadinhosdeacucar.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  19. Isso é que foi coragem! Eu não me atrevia a fazer com tantos passos, sou mesmo impaciente :-)
    Já viste no meu blog o resultado do passatempo?

    ResponderEliminar
  20. É realmente preciso muito coragem para fazer essa massa, eu confesso que não tenho paciência :)
    A minha mãe também fazia, ainda não havia de compra, tenho a receita dela e talvez um dia experimente.
    Adorei as fotos, são bem apelativas, o mil folhas está lindo e perfeitinho.
    Gostei da explicação sobre a massa, obrigada pela partilha
    Bjns
    Isabel

    ResponderEliminar
  21. Concordo com a Isabel Patrício! É preciso muita paciência para fazer massa folhada e eu não tenho muita. Mas fico fã cada vez que vejo alguém a fazê-la. Caseira deve ser muito melhor!
    Adorei o creme de framboesas!
    beijinhos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  22. Grande dica.. bem o Jamie Oliver diz que é complexo e é mesmo! Ficou lindo o teu mil folhas, parabéns!

    ResponderEliminar
  23. Tu és das "brave"! Parabéns, está lindo :)

    ResponderEliminar
  24. Cachahuete bonita, beijinhos, Feliz Natal cheio de paz e amor, e um maravilhoso Ano Novo!!!

    ResponderEliminar
  25. Votos de um Natal cheio de amor,saúde, paz e esperança e uma excelentes entradas em 2014.
    Bjnhos,
    http://saborescomtempo.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  26. Obrigada por todos os comentarios e pelo carinho que aqui deixaram.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  27. Olá Cacahute!
    Vi esta delicia no face e vim ver melhor. O folhado invertido ficou lindo e muito profissional parabéns, e pela paciência de fazer a massa folhada, eu sei que é melhor que a congelada, mas não me convenço. Gosto muito de pastelaria e a conventual fascina-me.
    Beijinho.

    ResponderEliminar

Agradeço a todos o tempo que disponibilizaram para deixar uma mensagem neste cantinho! Pois nem só de publicações vive um blog.