20/09/2012

Bolachas salgadas de Alecrim e Presunto e uma visita a Ludlow


No dia 9 de Setembro rumei a mais um festival de comida e bebida, desta vez na linda cidade de Ludlow, o festival realizou-se no castelo desta cidade. Com a qual fiquei fascinada e que por certo irei visitar outras vezes. Apesar de ser um festival sobre o mesmo tema do que o relatado no post anterior, achei-os completamente diferentes.
 Neste vi imensos produtores locais, com produtos de que eu nunca tinha ouvido falar e com os quais fiquei fascinada. Só me apetecia comprar tudo para poder provar e testar em casa.

Já em termos de demonstrações foi diferente, este não tinha tantos Chef´s famosos e para se aceder a receitas ou apresentações dadas por estes era necessário pagar extra. O único Chefe conhecido que eu vi foi o Chefe Will Holland que já participou em vários programas culinários que passam nos canais ingleses. A receita com a qual ele participou nesta demonstração era bastante interessante, mas achei-o com pouca capacidade de atrair e cativar o público. Não sei se foi por ser das últimas apresentações e ser o último dia do festival ou se é mesmo a personalidade dele que é assim. O certo é que imensas pessoas se foram embora durante a sua apresentação e comparando a apresentação dele com as outras que eu assisti no outro festival, esta foi bastante medíocre para mim. No entanto, tal não significa que ele não seja um Chefe exceptional. Achei tão simpático o ar desta senhora que se encontra a preparar manteiga ao estilo vitoriano. Para além de que a manteiga era super deliciosa e o leitelho que sobrava da produção da manteiga uma verdadeira delícia.

Alguns dos produtos que me chamaram à atenção no festival e os quais trouxe para casa comigo para experimentar foram:
- Salsichas de cabra, produzidas em Cheshire por um casal adorável se estiverem interessados acessem o site deles. Lá também podem encontrar receitas com carne de cabra e não só. Posso dizer que fizemos as salsichas grelhadas e que ficaram divinais, nada gordurosas ao contrário do que eu pensava e com um sabor delicioso. Eles também tinham a versão sem glúten.
- Queijos de cabra, feitos com muita amor e carinho pela empresa Brock  Hall  Farm, comprei 2 tipos de queijo de cabra a esta senhora. Um deles foi o Pablo Cabrito e o outro Capra Noveua, este último o meu preferido o qual ganhou uma medalha de ouro em 2012.
Havia centenas de produtos diferentes e originais que eu queria ter trazido, mas isso só me dá razões para voltar lá para o ano.

 
E por causa destes queijos maravilhosos decidi fazer umas bolachinhas salgadas a sua altura, as quais são excelentes para acompanhar com queijos.
Ingredientes:
- 1 chávenas de farinhas sem fermento
- 1 pitada de açúcar
- 1 colher de sobremesa de fermento seco para pão
- 1 colher de sobremesa de sal grosso
- 1 pitada de pimenta preta moída na hora
- 2 fatias de presunto cortadas em 4 partes
- 1 colher de sopa de alecrim fresco ou seco
- 1 colher de café de bicarbonato de sódio
- 30 ml de azeite extra virgem (varia de acordo com o tamanho da chávena que utilizou)
- ½ Chávena de leite bem frio


Modo de Preparação (Bimby):

1º Passo: Misture a farinha, sal e fermento no copo da bimby e pulse 1 min. Vel. 3, para ajudar a peneirar os ingredientes. Junte o presuto e alecrim e pulse alguns segundos na Vel. 4-6 até o alecrim e o presunto estarem cortados finamente.
2º Passo: Dissolva o bicarbonato de sódio em 1 colher de sopa de leite. Adicione o restante leite e azeite e misture tudo muito bem.
3º Passo: Com a bimby em funcionamente na Vel. 3 adicione a mistura liquída anterior toda de uma só vez. Misture até a massa ficar com um aspecto granulado grosso.
4º Passo: Junte a massa que irá parecer que se vai desfazer em uma bola e envolva a bola em película aderente. Leve ao firgorífico durante 20-30 minutos.
5º Passo: Pré-aqueça o forno a 150°C. Estenda a massa com a ajuda de um rolo até ficar com ≈ 3 mm. Usando um cortador ou faca dê a forma que quiser às bolachas.
6º Passo: Disponha as bolachas num tabuleiro forrado com papel vegetal e leve as bolachas ao forno durante 6-8 minutos, ou até se apresentarem douradas nos lados, passado este tempo dê uma volta às bolachas e deixe-as a cozer por mais 2-3 minutos.
7º Passo: Retire-as e coloque numa grelha para arrefecerem, se não forem consumidas no dia, podem ser armazenadas em frascos até 1 semana.


Nota: A chávena que utilizei tem a capacidade de 235 ml.
Fonte: Receita adaptada do blog Haniela’s Food & Photography.
Imprimir

8 comentários:

  1. Respostas
    1. Muito obrigada Sarinha...Para alem de bonitas tambem ficaram super saborosas.

      Beijinhos e bom fds

      Eliminar
  2. Encantei-me por esse festival!
    O lugar é maravilhosos.
    Adoro bolachas salgadas e as tuas ficaram com um aspecto ótimo!
    Bjim
    Léia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Leia,

      Realmente o festival foi fantastico e a cidade onde se realizou era simplesmente adoravel.

      Muitos beijinhos e bom fds

      Eliminar
  3. Vou levar a receita comigo porque o pequenote só gosta de bolachas salgadas!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fazes bem Vera vais ver que nao te vais arrepender. Depois vem ca contar como foi.

      Beijinhos

      Eliminar
  4. Bem essas bolachinhas estão uma tentação!!!
    Nunca imaginei bolachas com rosmaninho, tem um sabor bem forte... Provava já uma das tuas :)
    Gosto sempre de te ver por cá kida :)
    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh Xana, querida obrigada por me teres dito isso no comentario nao era rosmaninho que eu queria dizer era alecrim. Um erro grave...mas obrigada. Mas olha com o alecrim nao fica nada forte.

      Muitos beijinhos querida

      Eliminar

Agradeço a todos o tempo que disponibilizaram para deixar uma mensagem neste cantinho! Pois nem só de publicações vive um blog.