27/04/2014

Esparguete com pimentos assados e queijo de cabra

Os dias já nos preenchem com mais raios de sol, os meus níveis de energia parecem ter subido significativamente a acompanhar estes lindos dias de Primavera. Já só sonho com o Verão, férias e praia, mas apesar de tudo gosto muito da Primavera e o que ela nos trás.
 
 
A minha ausência foi grande, mas regresso com um prato bem simples e fácil de fazer. Para quem aprecia massas como eu, vai adorar esta minha versão. Cá em casa até os menos fãs de massa repetiram este prato. As fotos não fazem muita justiça, pois entre colocar no prato e tirar fotos a massa secou um pouco.
 
Ingredientes:
 
- 400 gr. de esparguete
- 2 dentes de alho
- 15 ml de azeite
- 300 ml de natas de soja
- 120 gr. de queijo de cabra soft
- 50 gr. de parmesão
- 2 tomates secos ao sol cortados aos bocadinhos
- 2 pimentos vermelhos
- 1 pimento amarelo
- Sal q.b.
- Pimenta preta moída na hora q.b.
- 2 hastes de tomilho-limão
 
 
Modo de preparação tradicional:
 
1º Passo: Grelhe ou asse os pimentos, coloque-os dentro de um saco plástico e reserve enquanto prepara o resto da receita.
 
2º Passo: Coza o esparguete de acordo com as instruções da embalagem. Leve uma frigideira ao lume com o azeite e os alhos cortado às rodelas. Doure ligeiramente os alhos.
 
3º Passo: Junte as natas, queijo de cabra, tomates secos ao sol e 40 gr. de parmesão. Deixe cozinhar até os queijos derreterem.
 
4º Passo: Entretanto, retire a pele dos pimentos, corte em tiras e reserve o líquido libertado pelos pimentos.
 
5º Passo: Junte as tiras dos pimentos e o líquido reservado ao molho, tempere com sal e pimenta preta,deixe cozinhar durante breves minutos e polvilhe com uma haste do tomilho.
 
6º Passo: Junte a massa ao molho e misture bem, sirva imediatamente e polvilhe com o restante tomilho e parmesão.
 
 
Notas: Eu costumo colocar os pimentos no forno a assar com o grill de manhã enquanto me despacho, antes de sair de casa coloco-os num saco plástico. Quando chego a casa retiro a pele e corto em tiras.

Imprimir

25/02/2014

Pudim de Pão com Banana e Nutella - Proposta da Whole Kitchen para o mês de Fevereiro/Banana and Chocolate Bread and Butter Pudding

Whole kitchen en su Propuesta Dulce para el mes de febrero nos invita a preparar un clásico de la cocina británica: Pudín de Pan e Mantequilla.

Está mesmo complicado publicar alguma coisa nos últimos tempos, mas de certa forma para não abandonar este cantinho durante muito tempo, tento arranjar tempo para pelo menos uma vez por mês participar nas propostas da Whole Kitchen. Este mês a proposta foi elaborar um pudim de pão, confesso que nunca fui grande fã deste tipo de sobremesa, por isso decidi optar por esta versão com chocolate e banana para ver se a coisa tinha mais adesão cá em casa. Posso dizer que é uma sobremesa que enche bastante e que o sabor a banana não se nota nem sobressai muito. E vocês gostam deste tipo de sobremesa ou nem por isso?
Ingredientes:
- 12 fatias de pão sem côdeas
- 50 gr. de nutella (ou mais, dependendo do nível de gulodice)
- 350 ml de natas gordas
- 350 ml de leite
- 4 ovos médios
- 1 pitada de sal fino
- 75 gr. de açúcar branco + extra para polvilhar
- 2 bananas
- Cacau em pó
Modo de preparação:
1º Passo: Barre de um lado as fatias de pão com nutella. Disponha numa forma com cerca de 25 cm de diâmetro 4 fatias de pão com a parte com Nutella virada para baixo, por cima coloque mais 4 fatias de pão com a parte com Nutella virada para baixo, disponha as últimas quatro fatias com a parte com Nutella virada para baixo.
2º Passo: Leve ao lume as natas com o leite até quase começarem a ferver. Entretanto, bata os ovos com o açúcar e sal com uma varinha de arames. Esmague as bananas e junte-as aos ovos. Ligue o forno a 180ºC.
3º Passo: Junte a mistura do leite e natas quente à mistura com os ovos lentamente, e bata bem com a ajuda da varinha de arames entre cada adição. Deite a mistura sobre o pão e deixe repousar durante cerca de 10 minutos. Antes de levar ao forno polvilhe com 2 colheres de sopa de açúcar branco.
4º Passo: Coloque a forma no forno em banho-maria, dentro de um recipiente onde possa colocar cerca de 2,5 cm de altura de água ou até a agua atingir 2/3 da forma. Retire do forno e sirva morno acompanhado com gelado de baunilha ou natas.
Fonte: Receita adaptada da Rachel Allen, Food for Living (que é um livro que eu adoro e já publiquei aqui várias receitas adaptadas por mim).
Notas: A última camada de pão que ficou em cima, foi composta por quatro fatias que foram cortadas ao meio,  por forma a dar um efeito visual mais bonito.

Imprimir

26/01/2014

Donuts - proposta da Whole Kitchen para o mês de Janeiro

Whole kitchen en su Propuesta Dulce para el mes de enero nos invita a preparar un clásico de la cocina norteamericana: Donuts.

A Whole kitchen está de volta e nada como começar o ano com um belo desafio, desta vez o tema escolhido foram os donuts. Nunca me tinha aventurado a fazer tal coisa, mas posso dizer que foi uma experiência bastante enriquecedora. A massa fica super mega fofinha e vale bem a pena arregaçar as mangas pelo menos uma vez na vida para fazer esta maravilha. Neste caso não há desculpas pois nem sequer é preciso ter máquina para que esses maravilhosos bolinhos redondos com um buraco no meio saiam perfeitos. Não costumo comer donuts, mas estes valem bem a pena o trabalho dispensado na sua preparação, cá em casa voaram.

Peço imenso desculpa a longa ausência dos vossos blogs, facebook, etc...mas não tenho tido quase tempo livre nenhum, desde que o ano começou ando mais em baixo, têm sido só más notícias e más situações uma atrás da outra, por isso posso dizer que este ano não começou nada bem. Prometo que assim que puder irei dar uma vista de olhos nas vossas páginas.

Ingredientes para o donuts:
- 3 colheres de sopa de levedura seca
- 240 ml de leite (a cerca de 45ºC)
- 400 gr. de farinha com fermento
- 30 gr. de açúcar branco
- 1 colher de sobremesa de sal fino
- 1 colher de sopa de extracto de baunilha
- 3 gemas de ovo
- 56 gr. de manteiga à temperatura ambiente
- óleo para fritar
Ingredientes para a cobertura:
- 150 gr. de chocolate 55% de cacau
- 160 gr. de açúcar em pó
- 8 colheres de sopa de água
- 50 gr. de côco ralado
Modo de preparação dos donuts:
1º Passo: Numa taça adicione 180 ml de leite morno e junte 2 colheres de sopa de fermento, mexa até o fermento se dissolver. Junte aos poucos 110 gr. de farinha e mexa muito bem entre cada adição. Deixe a massa repousar durante cerca de 30 minutos num lugar morno tapada com película aderente.
2º Passo: Após a massa repousar, junte noutra taça o restante leite e a outra colher de fermento, com a ajuda da batedeira bata tudo muito bem, junte as gemas, açúcar, sal, extracto de baunilha e a massa que repousou, misture tudo muito bem até obter uma massa bem consistente. Adicione a manteiga cortada aos cubos e misture durante cerca de 30 segundos.
3º Passo: Adicione a restante farinha aos poucos à mistura anterior e misture muito bem entre cada adição. Se fôr extremamente difícil para a batedeira misturar a farinha na massa, use as mãos e vá adicionando aos poucos a farinha, amassando bem. Tape a massa com película aderente e deixe repousar num local morno durante cerca de 30 minutos.
4º Passo: Leve a massa ao frigorífico durante um minimo de 1hora e um máximo de 12 horas.
5º Passo: Estenda a massa numa superficie previamente enfarinhada até esta ter um máximo de 1 cm de altura (comigo as que deixei com  mais altura tive dificuldade em fritar a massa por igual, pois no meio ficou mal passado). Corte a massa usando uma forma de donuts, ou use dois aros com diferentes diâmetros (que foi o que eu fiz).
6º Passo: Coloque os donuts numa bandeja e deixe-os repousar tapados num local morno durante cerca de 40 minutos.
7º Passo: Leve o óleo ao lume e deixe-o atingir os 180ºC, coloque os donuts e deixe fritar durante 1-2 minutos de cada lado (para mim 1 minuto foi suficiente para fritar de um lado e do outro). Como alguns dos meus donuts ficaram mal passados no meio, coloquei-os no forno a 180ºC durante 5 minutos e ficaram bem bons. Enquanto os donuts arrefecem prepare a cobertura.

Modo de preparação da cobertura:
1º Passo: Peneire o açúcar em pó. Dissolva o açúcar na água. Leve o chocolate a derreter ao microondas mexendo bem de 30 em 30 segundos. Quando o chocolate estiver derretido, junte-o ao açúcar e água e mexa muito bem. Se ficar muito líquido deixe arrefecer ligeiramente. Se a mistura estiver muito sólida junte mais água ou leve a misture ao microondas durantes uns breves minutos, misturando muito bem a cada 30 segundos.
2º Passo: Introduza metade do donuts no chocolate e gire para que o chocolate cubra a metade do donuts homogeneamente. Coloque o donuts numa grelha e polvilhe com o côco ralado. Sirve e delicie-se.
Fonte: Receita dos donuts adaptada da Larra Ferroni.
           Receita da cobertura adaptada do blog La receta de la Felicidad.
Notas: Não sou grande fã de fritos, mas estes donuts até não ficaram nada gordurosos nem com aquele sabor intenso de frito.
Imprimir

26/11/2013

Milhojas, propuesta de Noviembre en Whole Kitchen/Mil-folhas invertido proposta de Novembro da Whole Kitchen

Bem..esta receita foi cá um desafio! Desta vez quis armar-me em Pierre Hermé e preparar a sua receita de mil-folhas, já que este foi o tema escolhido pela Whole Kitchen para este mês de Novembro, que diga-se de passagem não é para principiantes.
Para já era suposto tê-la feito no fim de semana passado, mas por razões de força maior, fui obrigada a adiar a realização desta receita para este fim de semana que passou, comecei a fazer a receita no sábado, mas tento em conta que é bastante demorada, só a acabei mesmo ontem à noite.

Não e que seja muito difícil, demora é bastante tempo entre cada passo. Alguns dos problemas que tive foi  juntar a massa 1 com a massa 2, problema esse que se resolve com calma e com uma bancada enfarinhada e bem fria.
Depois é preciso ter-se bastante atenção aos tempos de cozedura, neste tipo de receita a diferença entre minutos é bastante crucial, e como nem todos os fornos são iguais é preciso estarmos bem atentos e ter em conta que os minutos que aqui descrevo não se aplicam para todos os casos.

De todas as formas, acho que não vou voltar a repetir esta experiência, já tinha feito uma espécie de massa folhada aqui para a preparação de uns croissants, que ficaram super bons e a massa ficou boa, e que me deu muito menos trabalho, o que eu quero dizer com isto e que se pode obtêr uma massa folhada bem boa, sem se ter de perder tanto tempo. 

Ingredientes para a massa 1:

- 30 gr. de farinha sem fermento
- 30 gr. de farinha com fermento
- 160 gr. de manteiga à temperatura ambiente

Ingredientes para a massa 2:

- 75 gr. de farinha sem fermento
- 75 gr. de farinha com fermento
- 5 gr. de sal fino
- 50 gr. de manteiga
- 100 ml de água fria
- 1 colher de chá de vinagre

Ingredientes para a massa folhada invertida caramelizada:

- 430 gr. de massa folhada invertida
- 45 gr. de açúcar branco
- 25 gr. de açúcar em pó

Ingredientes para o recheio:

- 100 gr. de framboesas
- 3 colheres de sopa de açúcar
- 250 gr. mascarpone

Modo de preparação da massa 1:

1º Passo: Numa taça misture as farinhas, junte a manteiga cortada aos cubinhos e misture tudo muito bem com as mãos, até ôbter uma bola. Coloque a massa entre duas folhas de papel vegetal e molde com a ajuda de um rolo até ôbter um círculo com 2 cm de altura. 

2º Passo: Envolva a massa em película aderente e reserve no frigorífico durante 2 horas.

Modo de preparação da massa 2: 

1º Passo: Numa taça junte todos os ingredientes, excepto a água. Depois de tudo misturado, junte a água aos poucos, até ôbter uma massa consistente, não deverá ficar mole ou bastante maleável. Coloque a massa entre duas folhas de papel vegetal e molde com a ajuda de um rolo até ôbter um quadrado com 1 cm de altura.

2º Passo: Envolva a massa em película aderente e reserve no frigorífico durante 2 horas.

Modo de preparação da massa folhada invertida:

1º Passo: Com a ajuda de um rolo estenda a massa 1, em forma de círculo com 1 cm de altura. Coloque a massa 2 no centro da massa 1, e dobre os cantos da massa 1 para dentro (por cima da massa 2). A massa 2 deverá ficar toda envolvida pela massa 1.

2º Passo: Com os punhos espalme a massa. Depois com a ajuda de um rolo estenda a massa do centro para os bordos, em forma de rectangulo, 3 vezes comprida do que larga.  

3º Passo: Dobre uma das extremidades para o meio, dobre a outra extremidade para o meio, de modo a que ambas as extremidade se encontrem no meio, dobre a massa ao meio (volta dupla). 
4º Passo: Vire a parte da massa que esta dobrada para a sua esquerda com o rolo, estique levemente a massa, envolva em película aderente e deixe repousar durante 2 horas à temperatura ambiente. 

5º Passo: Com os punhos espalme ligeiramente a massa. Depois com a ajuda de um rolo estenda a massa do centro para os bordos, 3 vezes mais comprida do que larga.Volte a fazer a volta dupla, envolva em película aderente e deixe repousar durante 2 horas no frigorífico.
6º Passo: Com os punhos espalme ligeiramente a massa. Depois com a ajuda de um rolo estenda a massa do centro para os bordos, 3 vezes comprida do que larga. Desta vez de uma volta simples, em que 1 terço da massa vai para o meio e o outro terço para o meio. Deverá ôbter um quadrado.

7º Passo: Leve ao frigorífico por 2 horas, quando passar uma hora, vire a massa ao contrário, para ambos os lados estarem igualmente expostos ao frio (eu deixei a massa de um dia para o outro no frigorífico por falta de tempo).

8º Passo: A bancada deverá estar fria, para tal poderá passar com gelo na bancada para baixar a temperatura. Polvilhe a bancada com farinha assim como a massa e estenda-a com a ajuda de um rolo até esta ter 2-3 mm de altura. Se desejar corte a massa no formato que pretende, resulta mais facil se o fizer com um cortador ou utilizar o cortador de pizza.

9º Passo: Transfira a massa para uma folha de papel vegetal previamente humedecida ou pincelada com água fria. Com um garfo marque toda a extensão da massa e leve-a ao frigorifico por 1 -2 horas.

Modo de preparacao da massa folhada invertida caramelizada:

1º Passo: Pré-aqueça o forno a 230 ºC.  Polvilhe a massa com o açúcar branco, meta a massa no forno e baixe a temperatura para os 190 ºC. Deixe a massa cozinhar por 8 minutos, cubra a massa com uma grade de redes (para que o crescimento seja uniforme) e deixe cozinhar por mais 5 minutos. Retire do forno.

2º Passo: Suba a temperatura do forno para os 250 ºC.Retire a grade de redes, dê a volta à massa. Polvilhe a massa com o açúcar em pó e leve ao forno por 8 minutos (no meu caso foram só 5 minutos), o açúcar irá derreter e caramelizar a massa. Retire a massa do forno e reserve.

Modo de preparação do recheio:

1º Passo: Leve as framboesas com o açúcar ao lume. Esmague as framboesas com ajuda de um garfo, mexa tudo muito bem até o açúcar derreter e o líquido das framboesas começar a evaporar. Retire do lume e deixe arrefecer.

2º Passo: Misture as framboesas com o mascarpone, se a mistura ficar muito mole, leve uns 5-10 minutos ao congelador, ou deixe no frigorifico por 2 horas. 

Montagem do mil-folhas:

1º Passo: Coloque uma placa de massa por cima coloque o recheio, em cima do recheio disponha mais uma placa de massa, por cima recheio e outra placa de massa. Decore com açúcar em pó e framboesas.

Notas: O recheio foi feito à pressa, mas para estes casos acho que resulta muito bem, eu não coloquei muito açúcar no recheio, pois a massa já tem bastante açúcar na minha opinião e o contraste de sabores balança muito bem.
Para verem a receita bem mais detalhada e com fotos lindíssimas, vão dar uma vista de olhos ao blog Bajo una Nube de azucar glas, ela tem tudo muito bem explicadinho.

Imprimir 

18/11/2013

Misto de legumes com queijo feta e a chegada do meu AIG 2013/Mixed vegetables with feta and the arrival of my AIG 2013 parcel

Já faz algum tempo que não publico nada, os dias têm sido complicados com muito trabalho e para juntar a isso, pouca ou nenhuma paciência para escrever. A mudança de estação acaba sempre por mexer comigo e de alguma forma suga-me a energia durante algum tempo, levando-me a preguicite aguda extrema. Realmente, eu não fui moldada para a mudança de hora, mas quem é que teve essa ideia? Serve para alguma coisa? Eu só conheço pessoas a reclamarem como eu, se alguém sabe a explicação por favor manifeste-se.
Como já tinha dito num post anterior, este ano participei no AIG (amigo invisível gastronómico), foi com muito amor e carinho que preparei a prenda para o meu amigo segredo que pelos vistos ainda não recebeu nada, o que está a deixar um pouco nervosa, pois não quis pagar mais 8€ pelo correio registado, agora ando aqui em sofrimento a pensar no porquê de tanta demora.
Mas já recebi a prenda do meu AIG, hehehe, de uma rapariga super simpática, espanhola que vive na Alemanha de nome Sandra von Cake. Embrulhou as minha prendas com tanto amor e carinho, tem uma caligrafia lindíssima. Nas ofertas vieram umas trufas deliciosas, umas bolachas típicas alemãs, um instrumento para fazer uma especialidade alemã, quem em breve vou ter de usar, uma rena super amorosa e uns docinhos da Haribo. Obrigada por todas as prendinhas Sandra.

O blog da Sandra aborda imenso temas, mas foca-se principalmente em comida e D.I.Y., podem fazer-lhe uma visita e verem o lindo blog que a Sandra tem, o blog dela chama-se Apfelstrudel Kuchen, para acederem basta clicarem no nome do blog e deliciem-se com as receitas das Sandra.
A sugestão que trago pode ser para dias de mais calor, mas como para mim é uma espécie de confort food vegetariano, que me enche bem as medidas e me faz continuar no bom caminho de evitar consumir carne tantas vezes por semana. O molhinho fica de lamber os dedos.

Ingredientes:

- 1 alho-francês
- 1 curgete
- 1 pimento vermelho
- 1 pimento verde
- 150 gr. de cogumelos
- 15 ml de azeite extra virgem
- 3 dentes de alho
- 50 gr. de rúcula selvagem
- Sal q.b.
- Pimenta preta moída na hora q.b.
- 1 colher de sopa de mal de rosmaninho
- 2 colheres de sopa de vinagre balsâmico
- 1 ramo de coentros
- 3 pés de tomilho limão
- 200 gr. de feta aos cubinhos
- 8 tortilhas de farinha de trigo

Modo de Preparação:

1º Passo: Corte o alho-francês em rodelas com cerca de 0.5 cm, passe por água e seque. Corte a curgete em rodelas. Remova as sementes dos pimentos e corte-os em tiras. Limpe os cogumelos com a ajuda de papel de cozinha e corte-os em quartos.


2º Passo: Leve o azeite ao lume numa frigideira larga, assim que o azeite estiver quente adicione o alho-francês e assim que este amolecer junte os restantes legumes. Salteie durante 5-6 minutos em lume médio a forte. Tempere com sal e pimento preta, adicione as folhas de rúcula, tape a frigideira reduza o lume para o mínimo.


3º Passo: Deixe cozinhar, vá mexendo de vez em quando, até os legumes estarem macios mas ainda crocantes. Regue com o mel e o vinagre balsâmico, adicione os coentros e tomilho e mexa bem.


4º Passo: Salpique com o queijo feta e sirva com as tortilhas, previamente pinceladas com azeite e aquecidas no grelhador.

Fonte: Receita adaptada da revista Vaqueiro Outono 2013.

Imprimir

30/10/2013

Cérebros de ratazana conservados em sangue para o Halloween/Rat brains preserved in blood for Halloween

O Halloween é já amanhã...o tempo passou mesmo a correr. Tenho ainda algumas receitas de Halloween para serem publicadas, mas vão ter que ficar para o ano. Ultimamente, tenho andado super ocupada o que não me tem permitido visitar os vossos cantinhos, nem retribuir as vossas visitas. Peço imensas desculpas por isso. Assim que as coisas se acalmarem vou tentar actualizar-me.
Deixo-vos com esta receita que é super fácil de fazer e tem um visual fantástico.
Ingredientes:
- 1 embalagem de pudim de morango
- 1 embalagem de gelatina de morango
  
Modo de preparação:
1º Passo: Prepare o pudim de acordo com as instruções e coloque numa forma (eu usei uma com o formato de cérebro). Leve ao congelador durante cerca de 20-30 minutos ou até estar firme. O tempo vai depender da forma que utilizar. Poderá também levar ao frigorífico de um dia para o outro.
2º Passo: Prepare a gelatina de acordo com as instruções da embalagem. Coloque um pouco de gelatina no fundo da taça e reserve a restante.  Quando estiver sólida junte os cérebros. Se não tiver a forma, esculpa com a ajuda de uma colher o formato do cérebro. Por cima coloque devagarinho a restante gelatina e leve ao frigorífico até solidificar.
Sirva e assuste os convidados.


24/10/2013

Whole Kitchen Proposta para Outubro Dobos Torte/Whole Kitchen Challenge Dobos Torte

As propostas da Whole Kitchen estão de volta, o que me deixa super feliz. Adoro desafios culinários e neste club é mesmo isso que se têm, geralmente são receitas que eu nunca fiz, algumas nunca ouvi falar, o grau de dificuldade costuma ser médio a elevado. Assim que acaba uma proposta, fico logo em pulgas para saber qual será a próxima.

A proposta deste mês de Outubro foi desafiante, pelo facto de nunca ter visto tal sobremesa, nem nunca ter provado. Dá algum trabalho a fazer, requer alguma técnica, experiência e como para variar deixei para a última da hora não ficou perfeita como eu queria, apesar de tudo cá em casa todos gostamos desta torta.
Ingredientes para o bolo:
- 6 ovos (gemas separadas das claras)
- 160 gr. de açúcar em pó
- 150 gr. de farinha para bolos (23 gr. de farinha maizena + 127 gr. de farinha sem fermento)
- 1 colher de extracto de baunilha
- 1 pitada de sal
Ingredientes para o creme de chocolate:
- 250 gr. de chocolate preto (minímo 55% de cacau)
- 4 claras de ovo à temperatura ambiente
- 200 gr. de açúcar branco granulado fino
- 250 gr. de manteiga à temperature ambiente
Ingredientes para o caramel:
- 150 gr. de açúcar branco granulado fino
- 3 colheres de sopa de água
- 2 colheres de sopa de sumo de limão
Modo de preparação do bolo:
1º Passo: Pré-aqueça o forno a 200ºC. Forre e barre com manteiga 3 tabuleiros com cerca de 32 cm x 22 cm. Bata as claras com o sal até obter o ponto de castelo. Reserve.
2º Passo: Bata as gemas, açúcar em pó e extracto de baunilha. Deverá bater durante aproximadamente 3 minutos, irá passer de um tom amarelo/laranjado para esbranquiçado.
3º Passo: Coloque cerca de 1/4 das claras em castelo às gemas e envolva delicadamente. Adicione as restantes claras e envolva delicadamente. Peneire a farinha para bolos, e adicione pequenas quantidades de cada vez à mistura, envolva delicadamente entre cada adição.
4º Passo: Divida a massa pelos 2 tabuleiros, espalhe muito bem com a ajuda de uma spatula. Deverá ficar uma camada bem fina de massa. Leve ao forno durante cerca de 7 minutos. Nesta parte convém dar um olhinho de vez em quando ao forno, pois poderá levar menos tempo, convém não cozer demasiado.
5º Passo: Retire do forno e desenforme assim que possível, pois como as camadas são finas continuarão a cozer mesmo depois de retiradas do forno. Deixe arrefecer.
Modo de preparação do crème de chocolate:
1º Passo: Leve o chocolate a derreter em banho Maria. Leve as claras ao lume com o açúcar em lume brando, até o açúcar estar dissolvido. Retire do lume, deixe arrefecer ligeiramente e bata as claras em castelo. Junte a manteiga aos poucos, cerca de 50 gr. de cada vez e bata muito bem entre cada adição.
2º Passo: Junte o chocolate derretido em fio, batendo sempre. Reserve.
Montagem:
Corte cada rectângulo em 3 partes iguais. Deverá obter um total de 9 rectângulos. Coloque um rectângulo numa base por cima espalhe um pouco do creme de chocolate, repita o processo de alternar camadas até ter utilizado 7 rectângulos de bolo. Se a torta estiver super direitinha aos lados, poderá colocar o creme de chocolate aos lados e em seguida levar ao frigorifico para ficar firme durante pelo menos 2 horas. Se a torta estiver muito movediça e não estiver acertada aos lados leve ao frigorífico por 2 horas. Quando estiver firme com uma faca bem afiada corte os lados para ficarem todos certos, limpado bem a faca entre cortes. barre os lados com o crème de chololate e leve ao frigorífico por 2 horas.
Modo de preparação do caramelo:

1º Passo: Leve o açúcar, limão e água ao lume numa panela de fundo grosso. Pincele o interior da panela com água para prevenir a cristalização do açúcar. Sem mexer deixe o caramelo começar a ganhar côr, quando assim fôr pode agitar ligeiramente a panela. Quando a côr começar a ficar dourada, retire do lume e decore os triângulos.
Entretanto, corte o outro rectângulo em triângulos e espalhe por cima o caramelo, tenha bastante cuidado ao fazer este passo. Deixe secar e reserve.
Decore a torta com os triângulos, caramelo e folhas de ouro.

Imprimir